" Se a esperança se apaga e a Babel começa, que tocha iluminará os caminhos na Terra?" (Garcia Lorca)

19
Set 05

 


Mestre Leopoldo.jpg


Se eu soubesse colocar músicas no blog, vocês ouviriam "Pueblo nuevo" (Buena Vista Social Club), embora Mestre Leopoldo - esta maravilhosa figura cuja foto retrata muito mal - não conheça essa música.

Mestre Leopoldo, ou Tio Leopoldo, vai fazer 80 anos e do alto da sua juventude lidera os batedores do samba do cacete de uma das comunidades quilombolas do  município de Cametá, estado do Pará.

Foram 4 dias andando no Brasil real, aquele que sobrevive à incompetência pública e à gãnância privada. Mestre Leopoldo é um dos brasileiros desta realidade comum aos remanescentes de quilombos, para quem a memória da identidade, a certeza do pertencimento a algum lugar, os faz reviver através dos cantos, danças e ladainhas, a sua história, e a memória dos avós e bisavós, iluminando com seus olhos a noite de Porto Alegre, comunidade onde estávamos conversando.

publicado por Adelina Braglia às 23:03

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.


Setembro 2005
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9

12
14
15
16
17

18
20
22
23
24

25
26
28


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO