" Se a esperança se apaga e a Babel começa, que tocha iluminará os caminhos na Terra?" (Garcia Lorca)

20
Mar 06

spceu.JPG


Algumas músicas parecem tolas, na primeira audição. Outras, parecem tolas sempre.

Ouvia ontem o Acústico de Rita Lee e algumas canções, quase tão antigas quanto ela e eu, ainda são tolas. Outras, ouvi com ouvidos limpos de  julgamentos e suposições. Apenas ouvi, e elas prenderam minha atenção.

Percebi que há tantas coisas às quais não se dá atenção à primeira vista e, de óbvio em óbvio, fui levada a fazer comparações. Há uma espécie de amor que a gente trata como se fosse uma canção qualquer, e nos fazemos surdos pelo ouvido viciado e cheio de ruídos.

De repente, a mesma canção soa forte, mesmo se cantada pela mesma Rita Lee, assim como a declaração de amor fica tão expressa e forte como se fosse a primeira e única.

Não sei mais do que isso agora. E também não sei se é preciso saber mais. E não sei se é preciso "saber" ou se só basta "ouvir".

 

publicado por Adelina Braglia às 07:31

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.


Março 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
17
18

19
21
25

26
28


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO