" Se a esperança se apaga e a Babel começa, que tocha iluminará os caminhos na Terra?" (Garcia Lorca)

20
Mar 06

menino.jpg


Afasta de mim essa "sina"

de ser um menino que jamais será "igual".

Afasta de mim a cobrança

de alisar minha trança pra ser "natural".

Afasta de mim teu sorriso piedoso

e a tua complacência de

achar que tu sabes o que sou.

Afasta de mim esse abraço

que não tem nenhum traço de amor.


Afasta de mim esse olhar de piedade,

como se a igualdade fosse um "benefício" que podes me dar.

Afasta de mim esse "cale-se", de "calar a boca",

de ter que saber qual é "o meu lugar".

Afasta de mim essa tua voragem de achar que igualdade é ser igual a ti!

Deixa que eu seja, que eu viva, que eu pense

pois sou diferente desde quando nasci!

 

"Nenhum de nós nasceu para odiar. A intolerância aprende-se e, portanto, é possível desaprendê-la." (Kofi Annan)


 

publicado por Adelina Braglia às 21:40

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.


Março 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
17
18

19
21
25

26
28


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO