" Se a esperança se apaga e a Babel começa, que tocha iluminará os caminhos na Terra?" (Garcia Lorca)

18
Abr 06
"É espantoso que setores da esquerda brasileira vejam com simpatia a candidatura do “nacionalista” Ollanta Humala, vencedor do primeiro turno das eleições presidenciais no Peru, realizada domingo passado. (A lentidão das apurações ainda não definiu quem será o concorrente de Humala no segundo turno, a ser disputado a 28 de maio ou 7 de junho próximos).

Militar da reserva, envolveu-se em violações dos direitos humanos de populações camponesas durante o combate que o Exército peruano travou contra os terroristas enlouquecidos do movimento Sendero Luminoso.

Uma frustrada sublevação militar que liderou em 2000 contra o presidente Alberto Fujimori (1990-2000), que governava desde 1992 com poderes ditatoriais, conferiu-lhe uma certa aura de herói.

A verdade, porém, é que ele foi próximo da eminência parda da ditadura fujimorista, o chefe dos serviços de segurança Valdomiro Montesinos, hoje preso sob a acusação de um rol de crimes que vão da chefia de esquadrões da morte ao tráfico de armas e roubo de dinheiro público.

Oriundo de uma família com idéias peculiaríssimas — seu pai, como se sabe, é líder de um movimento que prega a cassação da nacionalidade dos peruanos de origem européia, asiática e africana, sua mãe defende o fuzilamento de homossexuais –, Humala não manifesta compromisso com a democracia representativa e, para alguns especialistas em relações internacionais, como o doutor em geografia humana Demetrio Magnoli, sua postura e idéias são de teor francamente fascista.

Seu barulhento antiamericanismo, porém, o absolve: como é contra o governo Bush e ácido crítico dos Estados Unidos, Humala virou “progressista”."
(http://blog.nominimo.com.br/#1325)

publicado por Adelina Braglia às 07:16

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.


Abril 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
12
13
15

16
20
21
22

23
27
29

30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO