" Se a esperança se apaga e a Babel começa, que tocha iluminará os caminhos na Terra?" (Garcia Lorca)

26
Abr 06

"Grávida de oito meses, a estudante Elenilda Justino da Silva, 16 anos, morreu nesta terça-feira, depois de ser baleada durante confronto entre policiais do Serviço Reservado do 2º BPM (Botafogo) e traficantes do morro Santo Amaro, no Catete, capital fluminense. O bebê - uma menina, batizada de Leliane - foi salvo pelos médicos do hospital Souza Aguiar, no Centro."(www.terra.com.br)


Perdoa, Leliane, a pressa com que você veio à vida.

Perdoa, se puder, o assassinato da mãe, morta no confronto entre mocinho e bandido sem que jamais possamos explicar a você de que lado estava cada um.

Perdoa esse tempo que se expressa na morte prematura das mães, pela bala, pela miséria, pela tristeza.

Perdoa o país que preparamos, onde as crianças são prematuramente õrfãs, sem pão, sem algodão-doce e sem colo.

publicado por Adelina Braglia às 08:20

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.


Abril 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
12
13
15

16
20
21
22

23
27
29

30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO