" Se a esperança se apaga e a Babel começa, que tocha iluminará os caminhos na Terra?" (Garcia Lorca)

15
Nov 10

Marga querida:

 

Não somos almas gêmeas, felizmente: a monotonia nos mataria de tédio.

 

Nem somos metades de laranjas.

 

As arestas que nos impedem de colar homogeneamente as nossas metades vividas, é que nos permitem trocar experiências, frustrações e gozos e ajustar expectativas, belos frutos das árvores fortes e frondosas que compõem nossas vidas.

 

O que somos? Para além dos chavões?

 

Somos nós, naquilo que é fundamental.

 

E somos você e eu, no que é imprescindível para a vida que queremos: uma vida incomum.

 

Um beijo.

 

 

 

 

 

 

PS: é isso: " o seu olhar melhora o meu...."

 

 

publicado por Adelina Braglia às 17:59

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.


Novembro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
12
13

14
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO