" Se a esperança se apaga e a Babel começa, que tocha iluminará os caminhos na Terra?" (Garcia Lorca)

20
Dez 08
 
 
 
 
 
Não tenho a fé do Natal como manda a religião católica. Mas não nego que este período me afeta, aguça a comiseração pelo sofrimento alheio e o carinho – e, em relação a  irmãos e amigos, a saudades -  que afloram mais forte pelos que quero bem. Mas, acredito que Cristo nasceu um dia e que fez e pregou o que dizem que fez e pregou. Como um visionário da fraternidade e da justiça, que jamais alcançamos. Por isso, gosto de comemorar seu aniversário.
 
O maior bem material que possuo hoje são os  20 metros quadrados do meu quintal. Ali estão as minhas plantas e a piscina recém comprada pra Bia, como presente de Natal. E uma permanente boa tensão (viu, Carlos Flanar?), que não me deixa esquecer do mundo lá fora, mas que me alivia dele e me apazigua comigo. E é de lá, do fundo do nosso quintal, na letra bonita de Jorge Aragão e na sua voz  que eu, Margareth, Maurício, Bruno, Amanda e Bia mandamos nosso recado.
 
Uma boa noite de Natal.  Obrigada pelo carinho, pela tolerância e pela compreensão.
 
 
Feliz aniversário pra todos.
 
 
 
Mais um pouco e vai clarear
Nos encontraremos outra vez
Com certeza nada apagará
Esse brilho de vocês, de vocês, de vocês
O carinho dedicado a nós
Derramamos pela nossa voz
Cantando a alegria de não estarmos sós
Boa noite
Boa noite
Pra quem se encontrou no amor
Boa noite
Boa noite
Pra quem não desencantou
Boa noite
Boa noite
Pra quem veio só sambar
Boa noite
Boa noite
Pra quem diz no pé e na palma da mão
Boa noite
Boa noite
Pra quem só sentiu saudade, afinal
Obrigado do fundo do nosso quintal.
(Do Fundo do Nosso Quintal – Jorge Aragão)
 
publicado por Adelina Braglia às 12:31

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.


Dezembro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
12
13

14
17

21
22
24
25
27

28
29
30
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO