" Se a esperança se apaga e a Babel começa, que tocha iluminará os caminhos na Terra?" (Garcia Lorca)

23
Jan 08

 

 

A melancolia tem a voz da madrinha e a imagem das pequenas manchas roxas que quando apareciam provocavam nela, de imediato, a frase: “Isso é melancolia”. Não sabia ela que seu diagnóstico era tão preciso.
 
Mas, na minha cabeça de criança e adolescente, melancolia era um estado de espírito, e não uma doença. Era estar ensimesmada, triste, “melancólica”. E, na juventude, veio uma música, Misty, que para mim era a expressão do meu entendimento de melancolia. Na voz de Johnny Mathis, talvez o mais melancólico cantor norte-americano. E havia também as belas gravações de Sara Vughan, que canta aí embaixo, e de Ella Fitzgerald. O nosso melancólico Emílio Santiago também fez dela uma bela gravação. Mas percebo agora que a melodia de Errol Garner - e nem tanto a letra, de Johnny Burke - é que trazia o sentimento da melancolia.
 

 

 

Mas agora há uma nova imagem, compatível com a vida adulta. E necessária para combater a perigosa inércia, que fragiliza e quase extermina o melancólico.
 
A Melancolia, de Albrecht Dürer:
 

 

 

 

E, felizmente, há mais hoje: um quase-desejo de resistir.  E substituir, como fundo musical da vida, Misty por Paradeiro.

 
Eu considero um bom avanço, Ana ...rsrsrs....

 

 

 

 

 

 

Haverá paradeiro
Para o nosso desejo
Dentro ou fora de um vício?

Uns preferem dinheiro
Outros querem um passeio
Perto do precipício.

Haverá paraíso
sem perder o juízo e sem morrer?

Haverá pára-raio
Para o nosso desmaio
No momento preciso?

Uns vão de pára-quedas
Outros juntam moedas
antes do prejuízo

Num momento propício
Haverá paradeiro para isso?

Haverá paradeiro
Para o nosso desejo
Dentro ou fora de nós?


(Arnaldo Antunes - Marisa Monte)

 

publicado por Adelina Braglia às 13:25

Obrigado por trazer essa interpretação de Misty.
Beijinhos.
Santos Passos a 20 de Fevereiro de 2008 às 01:42

Obrigada a você pelo retorno. Beijão
Adelina Braglia a 20 de Fevereiro de 2008 às 17:37

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.


Janeiro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10

13
14
16

20
21
22
26

27
28
29
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO