" Se a esperança se apaga e a Babel começa, que tocha iluminará os caminhos na Terra?" (Garcia Lorca)

15
Set 06

São Paulo é minha cidade natal. Deixei-a há 30 anos e fui aventurar minha fantasia pelo norte do Brasil, mas a ela retorno regularmente. E a cada volta, descubro coisas, remexo minhas memórias da infância e da adolescência, filtro sensações e sentimentos.

Desta vez descubro que a casa da mãe do Chico e do Paulo Caruso transformou-se num simpatico bar. São Bento, é o nome. Porém, a esquina da Aspicuelta com a Mourato Coelho perdeu com isto,  para mim, seu encanto. Aquela casa tinha um quê de resistência!

O metro avança em linhas verdes, azuis e vermelhas, mas os ônibus elétricos ainda dão pane no cruzamento da São Luiz  com a Ipiranga. E  perto do largo do Paissandú, ainda existe o terrível  e delicioso churrasco grego.

Olho São Paulo hoje com o afeto que não tinha pela cidade quando aqui vivia. E a cidade perece perceber que a idade me trouxe a condescendência que a juventude não me permitia ter.

 

 

 

publicado por Adelina Braglia às 18:42

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.


Setembro 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
16

17
19
21
23

24
25
26
27
30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO