Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



foto do autor


calendário

Dezembro 2005

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031


Pesquisar

 


Plagiando!

Domingo, 18.12.05

Quando terminei o post anterior, alguma coisa passou a incomodar-me. Hoje, descobri o que era -  além da vida - : plagiei Ferreira Gullar!

A intenção não era essa, tanto que esse seu poema praticamente abriu meu blog (01.08.2005). Mas, pra me redimir, repito o poema.

Traduzir-se

Uma parte de mim é todo mundo:

outra parte é ninguém:

fundo sem fundo.

Uma parte de mim é multidão:

outra parte estranheza e solidão.

Uma parte de mim pesa, pondera:

outra parte delira.

Uma parte de mim almoça e janta:

outra parte se espanta.

Uma parte de mim é permanente:

outra parte se sabe de repente.

Uma parte de mim é só vertigem:

outra parte, linguagem.

Traduzir uma parte na outra parte

— que é uma questão de vida ou morte —

será arte?

Autoria e outros dados (tags, etc)

Adelina Braglia às 00:19


Comentários recentes

  • Anónimo

    Meu pai foi um desses homens procuro por uma foto...

  • Adelina Braglia

    Salve, Cris.Mudamos todos, nós, os blogs, o Juca q...

  • cris moreno

    saudades. estava me lendo no travessia e vi como b...

  • Adelina Braglia

    Amém! Beijo.

  • Marga

    Querida, bom lhe ter de volta aos textos que retra...