Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



foto do autor


calendário

Fevereiro 2006

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728


Pesquisar

 


A democracia racial brasileira: documento 5.

Segunda-feira, 27.02.06

" Sistema educacional é incapaz de reduzir as desigualdades entre negros e brancos


O estudo, de Sergei Soares e Rafael Guerreiro Osório, está no livro “Os mecanismos de discriminação racial nas escolas brasileiras” e investiga os fatores que geram as diferenças educacionais entre negros e brancos com uma nova abordagem. Eles acompanham a trajetória escolar dos que nasceram em 1980 e entraram na escola por volta de 1987. Essa espécie de “documentário” permite ver que em 1987 a proporção de negros que ainda não sabiam ler e escrever era maior que a dos brancos. O texto diz ainda que “a razão entre a chance de um negro não saber ler e escrever e a de um branco, que é de 3,2 em 1987, vai crescendo e chega a 4,6 em 1992.”

O impacto do trabalho precoce também é importante para a análise das desigualdades. Os números mostram que no início da trajetória educacional, entre 1992 e 1995, a conjunção do trabalho com o estudo atingia mais os negros que os brancos. A diferença só se reduz a partir de 1996, e se inverte em 2001. Segundo os autores, uma interpretação possível é a de que o trabalho infantil atinge mais os negros e “a maior estabilidade das trajetórias educacionais dos brancos favorece seu ingresso no mercado de trabalho no início da fase adulta da vida”.

No final da trajetória educacional, os membros do grupo analisado estão com 23 anos e os dados são os de 2003, que mostram que 5% dos brancos haviam completado o ensino superior, enquanto apenas 1% dos negros estavam na mesma situação. Ou seja, “a chance de se encontrar um branco nascido em 1980 que em 2003 tinha concluído um curso superior era cinco vezes maior que a de se encontrar um negro”.

Essas e outras constatações estão no livro Os mecanismos de discriminação racial nas escolas brasileiras</a>."

www.ipea.gov.br


 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Adelina Braglia às 22:55


Comentários recentes

  • Anónimo

    Meu pai foi um desses homens procuro por uma foto...

  • Adelina Braglia

    Salve, Cris.Mudamos todos, nós, os blogs, o Juca q...

  • cris moreno

    saudades. estava me lendo no travessia e vi como b...

  • Adelina Braglia

    Amém! Beijo.

  • Marga

    Querida, bom lhe ter de volta aos textos que retra...