Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



foto do autor


calendário

Outubro 2007

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031


Pesquisar

 


Bom dia.

Segunda-feira, 22.10.07

 

É fácil compreender as prioridades do Governo se a par dos discursos e das bravatas, a gente olha a execução do orçamento.
 
Na verdade, minha curiosidade começou com a manchete de hoje da Folha on-line, informando que o Judiciário gastará 1,2 bilhões para construir três tribunais. Caramba! E eu que pensei que com 1,2 bilhões se construiria, só para ficar no ramo, cerca de vinte unidades descentralizadas de Justiça ou umas quinze sedes para instalar as Varas Agrárias e as Defensorias Públicas!
 
Fui verificar o que isso significava no conjunto das ações de apoio ao Judiciário e  descubro que o Supremo Tribunal Federal, o Superior Tribunal de Justiça e  a Justiça Federal já conseguiram empenhar e autorizar entre 50% a  72% de seus orçamentos.
 
Aproveitando a consulta, dei uma olhada no resto. Descubro que se a Justiça está bem aquinhoada, o Bolsa Família também, num vistoso programa denominado Transferência de Renda com Condicionalidades, que já teve autorizado 74% do seu orçamento anual.
 
Abaixo da linha de pobreza orçamentária estão o Microcrédito Produtivo Orientado, o apoio ao Desenvolvimento Urbano de Pequenos e Médios Municípios, empatados com zero por cento. Os programas Desenvolvimento da Educação Infantil,  Esporte e Lazer na Cidade, e Inclusão Digital, trafegam entre 0,20% e 0,80%.
 
Os Serviços Urbanos de água e esgoto, o Reaparelhamento e Adequação do Exército Brasileiro e a Competitividade das Cadeias Produtivas, mais aquinhoados, ficam entre 1% e 3%. A Atenção Especializada em Saúde e o Desenvolvimento Sustentável de Territórios Rurais, quase chegam a 5%!!!
 
O Brasil Alfabetizado (aquele que vai reduzir drasticamente a taxa nacional de analfabetismo), a Prevenção e Combate à Violência contra as Mulheres e o Crédito Fundiário, não passam dos 10%, mas quase chegam lá.!
 
Ah! Onde está o programa Desenvolvimento do Sistema Financeiro Nacional? Tranqüilize-se. Pertinho do Bolsa Família, longe da linha de pobreza orçamentária: 73%.
 
Bom dia para vocês.
PS: tá, Santo Ambrósio! Já sei que o senhor nada tem a ver com orçamentos públicos brasileiros.
 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Adelina Braglia às 09:13

4 comentários

De cris a 22.10.2007 às 15:55

Bom dia...ai.ai.ai...será que ainda podemos?

Beijos.

De Adelina Braglia a 23.10.2007 às 13:38

Podemos quase tudo, Cris. Beijo

De samartaime a 22.10.2007 às 20:05

Eu já devia ter passado por aqui vai para uns tres meses!... Sou mesmo uma cara sem vergonha!

Mas... tou vindo (não conte esta ao seu governo - que já me basta o meu!)

Quanto ao resto, por aqui «tamos indo»! Só que não sei se alguém está imaginando para onde «tá indo».
Coisas da política!

Beijo - e a ver se é desta que escrevo!

De Adelina Braglia a 23.10.2007 às 13:41

Valeu, Santo Ambrósio!

Se a moça enfrentou as chatices deste SAPO para deixar um comentário, é só mais uma questão de três meses e ela manda um e-mail. Ai, que manda!!!

Beijo. Não pro senhor, pra ela.

Comentar post



Comentários recentes

  • Anónimo

    Meu pai foi um desses homens procuro por uma foto...

  • Adelina Braglia

    Salve, Cris.Mudamos todos, nós, os blogs, o Juca q...

  • cris moreno

    saudades. estava me lendo no travessia e vi como b...

  • Adelina Braglia

    Amém! Beijo.

  • Marga

    Querida, bom lhe ter de volta aos textos que retra...