Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



foto do autor


calendário

Fevereiro 2007

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728


Pesquisar

 


Bacia de almas (*).

Quinta-feira, 01.02.07

  

Foto: Rosa Almeida 

 

O que somos além de uma "bacia de almas",  presas num cotidiano?

Há almas carregadas por corpos cansados de comer poeira de terra com dono.

Há almas embutidas nos despossuídos e nos "excessivos".

Umas vivem na aridez da seca, outras na cálida fartura do asfalto.

Há almas sutis em corpos perfumados,

há almas brutas em corpos idem.

Mas há os contrários:

almas gentis em mãos calejadas

e  almas vorazes em mãos de cetim.

Há  almas que contemplam a suavidade do por-de-sol

e há as que somente sentem o seu ardor na pele,

sem poder contemplar-lhe a beleza.

Como é que se faz uma oração pelos desvalidos,

como se roga uma praga nos "excessivos",

como se apela  pelos  inocentes?

Dando esmolas no farol,

comprando panos-de-prato nas esquinas,

cedendo o lugar aos mais idosos no metro?

Serei assim uma alma de "primeira classe"?

Daquelas que ocuparão um lugar ao lado do Pai?

Pai.

Só se fosse o meu,

que também era mais uma das almas da bacia,

mas que fazia dela uma circunferência especial.

 

 (*) expressão precisa, usada  num e-mail,  pelo Lúcio Flávio Pinto,

      jornalista paraense, e  alma especial desta bacia.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Adelina Braglia às 18:29


Comentários recentes

  • Anónimo

    Meu pai foi um desses homens procuro por uma foto...

  • Adelina Braglia

    Salve, Cris.Mudamos todos, nós, os blogs, o Juca q...

  • cris moreno

    saudades. estava me lendo no travessia e vi como b...

  • Adelina Braglia

    Amém! Beijo.

  • Marga

    Querida, bom lhe ter de volta aos textos que retra...